GERAL

11 de agosto de 2020
Sérgio Sette mostra evolução nas corridas 8 e 9 da F-E

Brasileiro mostrou seu potencial conseguindo a segunda melhor classificação para a GEOX Dragon na temporada

 

Dando prosseguimento ao intenso cronograma de corridas que encerra o Campeonato Mundial de F-E o circuito de Tempelhof, em Berlim – Alemanha, recebeu neste sábado e domingo a oitava e nona etapas da competição. Diferente das provas de quarta e quinta-feira as disputas do fim de semana utilizaram o traçado em seu sentido anti-horário trazendo, assim, diferentes desafios para os pilotos e equipes.

Vivenciando suas primeiras experiências na categoria mundial de carros elétricos o brasileiro Sérgio Sette Câmara mostrou rápida adaptação ao completamente diferente sistema de pilotagem e de competição da categoria. Já no treino livre da oitava etapa, disputado na manhã de sábado, o jovem brasileiro conseguiu a sétima marca com tempo a menos de três décimos do mais veloz da pista. Animado com o rendimento o piloto seguiu para a classificação e, numa boa volta, assegurou a 11ª posição do grid de largada para a corrida da oitava etapa. Nesta prova, após boa largada, o piloto conseguiu se manter em sua posição de origem na primeira volta. Nos giros seguintes, nas disputas pelas posições intermediárias do pelotão, ele perdeu duas posições até que, na oitava volta, acabou se envolvendo em um incidente com os pilotos James Calado e Neel Jani obrigando-o a abandonar a corrida.

A equipe GEOX Dragon teve bastante trabalho para reparar o carro, mas, na manhã de domingo tudo estava novamente pronto para o brasileiro acelerar nas atividades da nona etapa do Campeonato. Mesmo com um carro que não apresentava um bom balanço Sérgio conseguiu estabelecer o 15º tempo no treino livre. Trabalhou mais um pouco com os engenheiros e seguiu para a tomada de tempos. Neste momento, porém, ao ser direcionado para a sessão, a equipe acabou soltando o carro #6 em meio a intenso tráfego na pista. Assim, durante sua volta lançada, Sette Câmara acabou tendo de ultrapassar dois concorrentes, perdeu bastante tempo e ficou apenas com a última colocação do grid. Nesta corrida, não tendo muito a perder já que partiria do fim do pelotão, Sérgio procurou ficar todo o tempo na pista e, sempre que teve chance, subiu de posição. Ao final dos 45 minutos de corrida dele recebeu a bandeirada na 21ª posição. Esta prova definiu também o título da temporada para o português Antônio Felix da Costa, amigo de Sérgio, que recebeu a bandeirada na segunda posição.

A décima e 11ª etapas do Mundial de F-E serão disputadas num traçado completamente novo, também utilizando as dependências do antigo aeroporto de Tempelhof, em Berlim – Alemanha, nesta quarta e quinta-feira, dias 12 e 13 de agosto.

“Após ter conseguido ontem a segunda melhor classificação para a equipe na temporada eu esperava ir novamente bem neste domingo. Infelizmente, porém, eu entrei na pista para minha volta rápida em meio ao tráfego e, além disso, o carro também não estava tão bem quanto no sábado. Fiz o que foi possível na corrida. Temos agora dois dias inteiros para analisar com calma os dados e buscar um ajuste melhor para as duas últimas corridas. Acredito no potencial das pessoas com quem estou trabalhando e na vontade de cada um de seguir além. Nosso desafio será num traçado novo para todos os pilotos e, assim, acredito que poderemos novamente lutar por posições um pouco mais à frente”, analisou o representante da GEOX Dragon.

Foto: @Spacesuit-Media

Texto: Assessoria