GERAL

8 de julho de 2018
Pedro Piquet conquista, de ponta a ponta, primeira vitória do Brasil na história da GP3

O Hino Nacional Brasileiro foi tocado pela primeira vez em nove temporadas de história da GP3 com a vitória de Pedro Piquet na segunda corrida da rodada de Silverstone, na Inglaterra, na manhã deste domingo. Dessa forma, Pedro repete o feito do irmão Nelsinho, que, em 2005, foi o primeiro brasileiro a vencer uma corrida da GP2, hoje Fórmula 2, em Spa-Francorchamps.

O brasiliense da equipe Trident liderou de ponta a ponta, levando a melhor sobre dois de seus companheiros de equipe, Giuliano Alesi, e Ryan Tveter. Com o resultado, Pedro subiu para a quinta posição na classificação geral, com 67 pontos.
Em segundo no grid, Piquet mais uma vez largou com perfeição e tomou a ponta logo na primeira curva, superando Alesi. Quando o acionamento da asa móvel foi habilitado, o francês tentou um ataque, mas Pedro evitou a manobra.
Em seguida, Pedro apertou ritmo e abriu o suficiente para não permitir ao concorrente ficar novamente a menos de um segundo e abrir a asa móvel. Com isso, quem passou a ser pressionado foi Alesi, por Leonardo Pulcini.

Depois do acionamento do safety car virtual por um contato entre Joey Mawson e David Beckmann, Piquet não permitiu um novo ataque de Alesi e consolidou sua primeira vitória na GP3, um dos campeonatos de acesso à F1.

Com três pódios (dois segundos lugares e uma vitória) na sua temporada de estreia na categoria, Pedro volta a competir daqui a duas semanas, na rodada dupla de Hockenheim, na Alemanha.
O que disse Pedro Piquet:
“A corrida foi muito boa! Na largada, saí um pouquinho melhor do que o Giuliano, consegui ficar lado a lado com ele e depois fiquei à frente. O começo da corrida não foi fácil, o balanço do carro não estava muito bom com o tanque cheio e o peso a mais da gasolina. Ele estava conseguindo manter contato, mas depois que as voltas foram passando pude abrir uma vantagem boa de uns três segundos. Teve um safety car no fim, o que não foi bom porque esfriou os pneus, mas na relargada consegui abrir de novo e manter até o fim para ganhar a corrida. Agora é aproveitar esse pequeno período de férias no Brasil e depois pensar na Hungria”

Resultado da prova:
1º P. Piquet – 28m46s563
2º G. Alesi – a 1s401
3º R. Tveter – a 2s967
4º A. Hubert – a 3s503
5º C. Ilott -a 3s900

Classificação do campeonato:
1º A.Hubert – 100
2º C.Ilott – 94
3º L.Pulcini – 73
4º N.Mazepin – 71
5º P.Piquet – 67

Texto: Assessoria
Foto: Divulgação