KART

14 de junho de 2017
Matteo Molo participa dos treinos para o Campeonato Brasileiro de Kart 2017, no Kartódromo Beto Carrero Internacional

Passada a 5ª etapa da Copa SP Light, piloto carioca vai conferir
a pista que será palco da competição nacional

 

Depois de participar da quinta etapa da Copa São Paulo Light de Kart, o piloto carioca Matteo Molo, Equipe Tekprom, viajou para Penha, no litoral de Santa Catarina, onde participa dos treinos livre para o 52º Campeonato Brasileiro de Kart, que será realizado mês que vem, no Kartódromo Beto Carrero Internacional.

Matteo Molo aproveitou o feriado de Corpus Christi para treinar num período mais longo e se adaptar à pista que será palco da maior competição nacional de todos os tempos, que contará com a participação de mais de 400 pilotos de todas as regiões do país.

Vivendo o seu segundo ano na categoria Junior (para pilotos de 13 a 15 anos) o piloto carioca Matteo Molo, Equipe Tekprom, quer lutar por uma melhor colocação e subir ao pódio. “Para isso, só existe uma forma de realizar meu planejamento: treinar muito e estudar cada detalhe que poderá fazer toda diferença nesta conquista”, analisa Molo.

E foi com esse espírito, que Matteo embarcou hoje, para a região sul do país onde, a partir de amanhã, dará início aos seus treinos na pista catarinense. Com o auxílio do chefe de equipe, Murilo Pilotto, Molo terá longos dias de preparação pela frente, com treinos pela manhã e à tarde.

O piloto carioca, que detém os títulos de tricampeão serrano, bicampeão carioca e de campeão Rio Sul de Kart, sabe que em nenhum esporte existe sucesso se não houver muita dedicação e treinos à exaustão. “Quanto mais a gente treina melhor fica nosso desempenho e segurança de guiar. Por isso, estamos aproveitando o feriado prolongado para treinar o máximo que for possível, pois quero melhorar minha colocação na competição”, afirma Molo, que foi sétimo colocado no Brasileiro do ano passado, na Paraíba.

O chefe da Equipe Tekprom, Murilo Pilotto, explica como serão os treinos:

– Nesse momento vamos treinar sem o compromisso de resultados, com motores preparados de forma semelhante ao que iremos utilizar no Brasileiro. A ideia é o Matteo conhecer a pista da competição, se adaptar à ela e treinar o maior tempo possível com o objetivo final de estar 100% pronto para o campeonato mais importante do calendário nacional.

 

Texto: Assessoria
Foto: Luiz Pinheiro