GERAL

6 de outubro de 2017
Endurance: Senna tenta a pole dos 20 anos da Petit Le Mans

Bruno Senna e o Nissan DPi em Road Atlanta 

 

Piloto da ESM elogia evolução do carro e novo companheiro nos primeiros treinos livres

 

Os resultados das três primeiras sessões de treinos livres da Petit Le Mans, prova válida pelo calendário do Campeonato Norte-Americano de Endurance, deixaram Bruno Senna razoavelmente confiante nas chances do trio do carro número 22 da Extreme Speed Motorsport nas tomadas classificatórias válidas para a formação do grid nesta sexta-feira no circuito de Road Atlanta, na Georgia. “Foi um dia de progresso. Começamos bastante fora da janela de performance e as mudanças foram melhorando o acerto. A última sessão foi muito boa, mas agora temos de ver como será o comportamento do carro com a temperatura mais alta da tarde, já que terminamos os ensaios à noite”, observou.

 

Bruno e seus companheiros, o brasileiro Pipo Derani e o norte-americano Johannes van Overbeek, ficaram com a quarta posição no TL3, com uma volta no tempo de 1min12s527, a cinco décimos do segundo Nissan DPi da equipe, compartilhado por Scott Sharp, Ryan Dalziel e Brendon Hartley. Pipo está assumindo a vaga aberta com a aposentadoria de Ed Brown, que ocupou o cockpit na primeira metade do calendário. Bruno elogiou o novo parceiro, que completa 24 anos na próxima semana. “Ele está acrescentando bastante. Está bem acostumado ao carro, já que está na ESM desde o ano passado, e serve como ótima referência.”

 

Em seu retorno ao traçado de 4.088 metros localizado na pequena cidade de Braselton, Bruno admitiu que ainda pode crescer ao longo do fim de semana. “Andei aqui uma única vez em 2013 pela Aston Martin. Preciso ganhar mais confiança com o carro. Esta pista tem muita ondulação, muito sobe e desce, e os erros costumam cobrar um preço alto”, explicou. “Mas o potencial para fazermos um bom trabalho para a corrida está lá”, completou.

 

Além de Bruno e Pipo, o Brasil está representado na Petit Le Mans, que está completando sua 20ª edição e conta com o patrocínio da Motul, por Christian Fittipaldi, pilotando um Cadillac ao lado dos portugueses João Barbosa e Filipe Albuquerque, e por Hélio Castroneves com o Oreca LMP2 juntamente com os ex-rivais da Fórmula Indy Juan Pablo Montoya e Simon Pagenaud. O qualifying da classe dos protótipos começará às 18h35 (Brasília) desta sexta-feira e terá duração de 15 minutos. A largada para as 10 horas da corrida de amanhã está marcada para as 12h05. O Fox Sports 2 transmitirá a prova em dois momentos, a partir das 11h30 e até 16 h e depois entre as 19 e as 22h30.

Texto: Assessoria
Foto: Divulgação